Minha vida é frugal.
Como comidas fáceis.
Muitas frutas, alguns legumes, opto por orgânicos.
Sempre consultei nutricionistas.
Fui vegetariana por 18 anos.
Agora carrego uma “mochila” de 7kg e tal na barriga.
Meu recente pecado foi ter me viciado em doce de banana (aquelas barrinhas açucaradas).
Mas as compro eu mesma no mercadinho natural.
Elas dividem a gaveta das guloseimas com 3 nhá-Bentas (tive uma recaída no domingo).
E alguns horríveis biscoitos naturais – para casos extremos de fome.

A casa é pequena. 100 m2.
Conto com gadgets incríveis.
Um aspirador robô. Outro turbo que não precisa de saco de papel.
Uma tremenda máquina de lavar que também seca as roupas.
Os melhores e mais modernos produtos de limpeza.
3 ferros de passar e um vaporizador igual aos de lavanderia.
Forno e fogão elétricos.
Tudo para quem quer levar uma vida limpa e fácil.

De manhã, é iogurte com frutas.
No almoço, quando em casa, PF brasileiro.
No jantar uma sopa.
Entre as refeições principais, um combinado de frutas e castanhas.
Vez ou outra, um sanduíche de pão árabe com um conserva de beringelas que eu mesma fiz.

Em dois extremos da economia mundial, Cuba e França, fazia eu mesmo a minha arrumação.
E a casa estava sempre cheirosa e cheia de flores.

Eis que, desde janeiro, minha casa é feita de esquecimentos.
Esqueci a castanha.
O caqui.
Esqueci de deixar comida para o cachorro.
Esqueci de fazer a lista de compras.
Esqueci de avisar que a ração acabou.
Esqueci também que falta sabão em pó.
E não esqueci de passar no posto de saúde para pegar uma dispensa médica de 5 dias.
Não me esqueci de sair mais cedo (as 14h30) para fazer algo particular.

O desabafo é politicamente incorreto, eu sei.
Mas falta uma semana para o esquecimento deixar a casa.
Na verdade 7 dias úteis.
E me vejo contando as horas.
Sinto que existe um alien em meu ninho.
Não me sinto bem aqui.
Coloco música para evitar o barulho.

Dois mundos.
Duas verdades.
Eu só vejo as daqui.
Ela, as de lá.

Escrito por anapessoa

7 comentários para “Desabafo”

  1. Ana Pessoa disse:

    o meu nasceu a 07 jun (quem sabe partilhemos mais qualquer coisa em comum, para além do nome e da lingua) 😉

  2. anapessoa disse:

    Que gracinha!
    Realmente, são duas Anas e um destino.
    Qual é o nome do seu?
    O do meu é João Max Pessoa de Campos – poetinha!

  3. Ana Pessoa disse:

    Martim Afonso 😉

  4. anapessoa disse:

    Fundador de São Vicente – será um viajante. Prepare-se!

  5. Ana Pessoa disse:

    já é, pelo menos na imaginação (fervilhante) dele 😀

  6. Cristina disse:

    Eu duvido que vc tenha barriga???
    Que papo é este de ex- vegetariana, me abandonou??
    Qtas mudanças. Estou perdendo partes importantes da sua vida.
    bjs

  7. anapessoa disse:

    Tá perdendo e não te conto nada até você marcar nosso almoço. Tô de birra!

Deixe um comentário