Posts com a Tag ‘começo’

Pernas firmes

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Depois de um biênio sem carnaval, fui à forra.
Nada de excesso destrutivo.
Marchinhas, sol, cerveja, confete, ladeira.
Fantasias – uma para cada dia (e pense logo no que está subentendido).
E uma fome sem fim.
Minha festa pagã para expiar anos difíceis, viradas forçadas, experiências que, uma vez findas, não trarão saudades, mas obrigatoriamente, fortalecerão esta sobrevivente.
Lugar comum (como sempre).
Carnaval de gregos, pré-romano.
Culto em agradecimento aos deuses pela fertilidade.
Fertilidade de idéias, de andanças, de trocas, por fazer com que haja escolha.
Agora é seguir com fé.
2012 é para valer.
😉

mensagem subliminar

Raiz

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Eita que segunda-feira é dia de desatar nós.
Choveu logo cedo.
E o mundo acordou de mansinho.

Concentrar no que é urgente.
O tempo voa, mas o mistério é saber que tudo (ainda) é.

Procuro alguém que queira me reensinar ashtanga.
A tarefa é para ser desenrolada sem pressa.
Começa com a mão que não encosta no pé.
E avança quando sua cabeça perde o controle.

Mexendo em meus arquivos, uma série de autoretratos.
E uma frase.

The foot feels the foot when it feels the ground.
Buddha


E aí brotou do nada, como que para provar que certas coisas não vão embora:

Vande gurunam charanaravinde sandarshita svatma sukhava bodhe
Nih shreyase jangalikayamane samsara halahala mohasantyai
Abahu purusharakam sankhachakrasi dharinam
Sahasra shirsam svetam pranamami patanjalim