Che e outras elucubrações

12928-2008-08-25-23-49-31_1

Ontem fomos ver o filme estrelado por Benício del Toro.
Foi bom ouvir o sotaque cubano mais uma vez. Nem todos os atores conseguiram fazer.
Rodrigo Santoro, que vive Raul Castro, bem que tentou.
Mas deu umas derrapadas no espanhol que são passáveis.
Benício Del Toro está grande.
E me parece que o filme foi rodado na terra dele, em Porto Rico.
Mas os cenários são Cuba, Cuba, Cuba.
E nada mudou.
Isso é assombroso.
Os cubanos vivem num universo congelado.
Os meninos que pedem para fazer parte do grupo dos guerrilheiros se vestem como parte da juventude cubana se veste hoje.
E eu, que desci de paraquedas na ilha, fiquei o tempo todo pensando: deu no que deu.
E, paradoxalmente, senti saudades da ilha.
Quando morei em Cuba, tinha 27 anos.
Tinha dúvidas – e ainda tenho.
Tinha uma ousadia de largar o certo pelo incerto – e isso ainda passa.
Talvez seja eu.
Numa auto-sabotagem ou numa rebeldia genuína.
Tinha quilos a menos (!)
Tinha cabelo curto e uma vontade grande de fazer cinema.
E não gostava da esquerda.
Saí da ilha com ódio a Fidel – mais do que quando entrei.
Com pena e raiva dos cubanos – afinal, são corrompidos, perderam a pureza.
E com a certeza que o neoliberalismo é a única saída.
Prefiro morrer no caos, no olho por olho.
Do que amarrada a um regime que se pretende igualitário.
Que sofrimento maior pode ter um povo.
Que receber educação e instrução.
E viver preso numa gaiola?
Sou mais a ignorância.
Porque o buraco ainda é buraco.
Abaixo, algumas fotos de Cuba entre 2001 e 2002.

Minha estréia na direção - numa piscina olímpica vazia
Minha estréia na direção - numa piscina olímpica vazia
Dirigindo os atores com uma amiga de El Salvador, Maura
Dirigindo os atores com uma amiga de El Salvador, Maura

Fábrica abandonada pela família Baccardi
Fábrica abandonada pela família Baccardi

Dirigindo o 2 filme
Dirigindo o 2 filme

Com a família que me emprestou a casa
Com a família que me emprestou a casa

Em Baracoa com roupa típica
Em Baracoa com roupa típica

Moderna fábrica de roupas
Moderna fábrica de roupas

No set, montada
No set, montada

Como atriz, usando roupas de Morango e Chocolate
Como atriz, usando roupas de Morango e Chocolate

Com o diretor, Terence Piard, e uma arma de verdade
Com o diretor, Terence Piard, e uma arma de verdade

Uma venda, típica em Cuba
Uma venda, típica em Cuba

havanavieja
Como cubanos vigiam cubanos
Como cubanos vigiam cubanos

Carona em carro de boi
Carona em carro de boi

Granjita Siboney - para onde Fidel fugiu e quase dançou
Granjita Siboney - para onde Fidel fugiu e quase dançou

Papo en Passa Caballo
Papo en Passa Caballo

2 respostas para “Che e outras elucubrações”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *