Milagres antroposóficos

cheia de dedos

Tomei umas gotinhas e fiquei menos melancólica.
Passei um creme e tudo cicatrizou.
Se a alma fosse palpável, seriam gotinhas ou creme?
Talvez um gel, um bálsamo. Ou um óleo essencial?

Fugi de casa hoje.
E não olhei para trás.
Eu realmente não sei do que sou capaz.

Voltei com o rabo entre as pernas e as unhas bem curtas, vermelhas e berrantes.
O cabelo cor de assum do sertão.
A mesma cara de pau.

Pensei em outros verões.
E não senti saudade.

Eu sou mesmo assim, de trás para frente, pelo avesso, volver, atenção!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *