Problemas, culpados e ar para respirar

Responda rápido e sem pensar: o que você faz com 11 anos de história?
Eu ando batucando este samba na minha cabeça. E não encontro enredo nem melodia.
Dizem por aí, que uma coisa atrai a outra.
Pois meu plano A ruiu por completo. Não tem choro nem vela.

Tudo ao mesmo tempo e agora, dona Ana.
Desta vez, mais do que sempre.
E você vai ter que decidir.
Casar ou comprar uma bicicleta são questões muito mais fáceis de resolver.

Hoje, com calma, comecei a mudar algumas coisas na vida. Coloquei prioridades.
Comer – direito e na hora certa – uma vez.
Fazer ginástica para o estresse sair junto com o suor.
Parece bobagem, mas não é. Está difícil para caramba de fazer.

Ainda não parei para respirar e sei que isso atrapalha. Mas é só o que consigo controlar agora.
Comer uma vez por dia na hora certa.
Fazer ginástica 2 horas por semana.

Como é difícil nascer e renascer a cada dia.

5 respostas para “Problemas, culpados e ar para respirar”

  1. Pucha… me atrapó tu blog… cada día por la mañana agarro mi iphone y leo las “novedades”, de verdad, bien interesante y da mucho para pensar: como cosas similares y sencillas pasan por la cabeza de personas tan diferentes, que no se conocen y viven en paises distintos.
    Sigue escribiendo tan bien como lo haces!
    Un abrazo.
    Rodrigo

  2. “Cada pergunta tem sempre duas saídas. A saída boa é aquela que começa algo. A saída boa é uma entrada.”

    De Gonçalo Tavares.

  3. Creo que este blog es muy común, incluso, por lo que te sonó.
    La viejas preguntas: ¿vivir o trabajar?, ¿ser feliz o ganar dinero? …
    Preguntas globales y muchos dolores de cabeza.

    (…)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *